Português   English   Español

300 funcionários da Petrobras envolvidos em irregularidades desde 2014

Cerca de 300 funcionários da Petrobras foram responsabilizados por irregularidades levantadas a partir de investigações internas realizadas após a deflagração da operação Lava Jato.

A afirmação foi feita nesta quinta-feira (29) pelo diretor-executivo de Governança e Conformidade da estatal, Rafael Mendes.

Com a Lava Jato, da Política Federal e do Ministério Público Federal, foi exposto um esquema bilionário de corrupção envolvendo contratos da petroleira estatal, grandes companhias de engenharia, políticos e partidos.

A identificação de responsáveis por irregularidades foi resultado de uma série de medidas da petroleira para corrigir o ambiente de governança e se recuperar dos danos sofridos, informa a UOL.

Evitando detalhar os números, Rafael Mendes declarou:

Em torno de 300 pessoas foram responsabilizadas, e responsabilização pode ser mais grave ou menos, pode ser uma demissão por justa causa, pode ser uma suspensão ou pode ser uma advertência escrita. E nós tivemos um grupo considerável que foi de fato demissão.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter