Português   English   Español

409 feridos e 282 presos em protestos na França

O governo francês aumentou para 409 o número de feridos e até 282 o de detenções nos protestos deste sábado (17) em vários pontos do país.

O movimento conhecido como “coletes amarelos” se manifestou contra os novos impostos aos combustíveis e contra as políticas do presidente Emmanuel Macron.

O Ministério de Interior também confirmou que uma aposentada morreu após ser atropelada no sudeste da França.

“Esta noite foi agitada (…) Houve agressões, brigas, facadas”, lamentou o ministro do Interior, Christophe Castaner.

Na manhã deste domingo (18) ainda havia vários pontos de manifestações em rotatórias, pedágios e estradas de todo o país.

Esta revolta popular, organizada nas redes sociais sem a tutela de um partido ou um sindicato, também acabou com feridos entre as forças da ordem, um total de 28, “alguns deles em estado grave”, especificou Castaner.

Os “coletes amarelos”, em alusão à peça fluorescente usados pelos manifestantes, protestaram, em um primeiro momento, pela alta tributária sobre os combustíveis para financiar a transição energética, embora rapidamente tenha se estendido à falta de poder aquisitivo em geral.

Adaptado da fonte EFE

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter