- PUBLICIDADE -

64 militares assassinados no Rio de Janeiro em 2018

- PUBLICIDADE -

Morto no dia de folga durante uma tentativa de assalto na Baixada Fluminense, o soldado Paulo Vítor Barbosa Lopes, de 37 anos, entrou para as estatísticas como o 64º policial militar morto no estado do Rio de Janeiro.

O soldado estava dirigindo quando foi abordado por criminosos que pretendiam assaltá-lo. Segundo a Polícia Militar, ele reagiu, e houve confronto.

Dos 64 policiais militares assassinados de janeiro até ontem (22) no Rio de Janeiro, 17 foram mortos em serviço; 39 quando estavam de folga; e oito eram reformados. No ano passado, 134 policiais militares foram vítimas de homicídio.

No caso da tentativa de assalto desta quarta-feira, o soldado chegou a ser levado em estado grave para o Hospital Geral de Nova Iguaçu, mas não resistiu. Lopes estava lotado no 21º Batalhão da Polícia Militar do Rio de Janeiro, em São João de Meriti, outro município da Baixada.

 

Adaptado da fonte EBC
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -