66% defendem que Vale perca licença de mineração

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Levantamento do instituto Paraná Pesquisas aponta que 91% acreditam que novo desastre poderia ter sido evitado se a Justiça tivesse tomado ações mais severas para punir os culpados por Mariana, três anos atrás.

Uma pesquisa feita pelo Instituto Paraná mostrou que, 65,7% dos brasileiros defendem que a mineradora Vale deveria perder sua licença de mineração.

A mineradora era a operadora da barragem do Córrego do Feijão, localizado em Brumadinho, na zona metropolitana de Belo Horizonte, que se rompeu em 25 de janeiro e culminou na morte de mais de uma centena de pessoas.

O vazamento milhões de metros cúbicos de rejeitos sobre o Rio Paraopeba aconteceu três anos após a tragédia envolvendo a Samarco (joint venture entre Vale e BHP Billiton), em Mariana, também no estado de Minas Gerais, no maior desastre socioambiental da história do país.

Segundo o site InfoMoney, 63,4% dos brasileiros apontam a Vale como maior responsável pela tragédia em Brumadinho.

A pesquisa, divulgada nesta segunda-feira (4), entrevistou 2.420 brasileiros em 188 municípios de das 27 unidades da federação, por meio de mensagens eletrônicas, entre os dias 30 de janeiro e 3 de fevereiro.

Os resultados foram ponderados por sexo, faixa etária, escolaridade, nível econômico e região. A margem máxima de erro é de 2 pontos percentuais para cima ou para baixo.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.