Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

67 mortos em protestos contra primeiro-ministro na Etiópia

67 mortos em protestos contra primeiro-ministro na Etiópia
COMPARTILHE

A cidade de Oromia, que é a terra natal do premiê Ahmed, foi o principal local dos protestos.

A polícia da Etiópia informou, nesta sexta-feira (25), que 67 pessoas morreram durante protestos contra o primeiro-ministro, Abiy Ahmed, vencedor do prêmio Nobel da Paz deste ano.

Kefyalew Tefera, chefe da polícia regional, afirmou:

“O número total de mortos em Oromia é de 67. […] Cerca de 55 deles faleceram em conflitos entre civis. E o restante foi abatido pelas forças de segurança.”

As manifestações contra o governo são lideradas por Jawar Mohammed, um ex-aliado de Abiy, que já desempenhou um papel importante no fim do governo do último premiê.

Abiy Ahmed recebeu o Prêmio Nobel da Paz no início de outubro por seus esforços na reconciliação com a Eritreia e as reformas que pretende realizar para transformar profundamente a Etiópia, informa a agência AFP.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE