75 mortos e quase 200 desaparecidos em erupção na Guatemala

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Autoridades da Guatemala aumentam para 75 o número de mortos e divulgam primeira estimativa de pessoas desaparecidas.

Subiu para 75 o número de mortes causadas pela violenta erupção do Vulcão de Fogo na Guatemala, ocorrida no último fim de semana. As informações foram concedidas por autoridades guatemaltecas nesta terça-feira (05).

Pela primeira vez, foi divulgado o número de pessoas desaparecidas: ao menos 192.

Tremores de terra, novos deslocamentos de lava e fluxo piroclástico nas redondezas do vulcão forçaram a retirada de socorristas também na terça-feira.

O secretário-executivo da Coordenadora Nacional para a Gestão de Desastres (Conred), Sergio García, esclareceu que o número de desaparecidos poderia ser reduzido, já que muitos dos corpos ainda não foram identificados.

De acordo com informações do BOL:

A lava e as cinzas soterraram comunidades inteiras nos departamentos de Escuintla, Chimaltenango e Sacatepéquez, onde está localizado o Vulcão de Fogo.

Moradores da região dos desastres testemunharam que muitos dos seus vizinhos aparentemente não conseguiram sair a tempo e que temem o pior.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.