‘A alma da democracia é o voto’, diz Bolsonaro

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

“Não quero poder, quero paz e soberania”, diz o presidente brasileiro.

O presidente Jair Bolsonaro  voltou a criticar, nesta sexta-feira (6), o sistema de votação eletrônico do Brasil.

Em discurso durante almoço para empresários, em Joinville, no Estado de Santa Catarina, Bolsonaro declarou:

“Estou atacando o Barroso? Não estou. Acho que ele deveria se orgulhar e ouvir da minha parte a verdade. É ele que fala que as urnas são invioláveis, o termo mais adequado seria impenetráveis. Esse tipo de gente quer decidir as eleições no ano que vem. Quero e desejo eleições limpas, democráticas, sem que meia dúzia de pessoas conte os votos numa sala escura.”

O chefe do Executivo completou:

“Não quero poder, quero paz e soberania, quero a liberdade de vocês, mas a alma da democracia é o voto, e o que querem é eliminar o voto.”

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.