A médica Marcelle Porto é a primeira vítima identificada em Brumadinho

Idiomas:

Português   English   Español
A médica Marcelle Porto é a primeira vítima identificada em Brumadinho
A médica Marcelle Porto é a primeira vítima identificada em Brumadinho
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

A médica do trabalho Marcelle Porto Cangussu é a primeira vítima confirmada do desastre em Brumadinho após rompimento da barragem da mina Córrego do Feijão, na região metropolitana de Belo Horizonte.

Marcelle Porto Cangussu se formou em Medicina pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), há 10 anos, e trabalhava desde 2015 como médica do trabalho na mineradora Vale.

Ela também atuava como médica de emergência, desde 2011, no Hospital Regional de Betim, também na região metropolitana. Marcelle era solteira e não tinha filhos. A médica do trabalho era a filho do meio de três irmãs.

Na noite anterior à tragédia, Marcelle comemorou seu aniversário de 35 anos, junto com amigos e familiares, informa o jornal “O Tempo“.

O último contato que a médica fez com os familiares foi às 12h22 de sexta-feira (25).

Newsletter RENOVA

Receba diariamente as principais notícias do Brasil e do Mundo.

Curta e compartilhe esta notícia

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário

Veja outras notícias em destaque