- PUBLICIDADE -

Aborto é violência contra o corpo da mulher, diz Damares

Damares cancela Memorial da Anistia em Belo Horizonte

“O aborto é agressão ao corpo da mulher e é assassinato”, diz a ministra.

- PUBLICIDADE -

A ministra da Família, Mulher e Direitos Humanos, Damares Alves, afirmou que o governo do presidente Jair Bolsonaro apresentará, em breve, um amplo programa de planejamento familiar. 

Em entrevista ao jornalista Luis Lacombe, na Rede TV!, Damares enfatizou que “aborto não é planejamento familiar, mas assassinato e violência contra o corpo da mulher”. 

A ministra acrescentou que o “aborto não pode ser usado como método anticonceptivo”: 

“O aborto não é planejamento familiar. O aborto é agressão ao corpo da mulher e é assassinato. É assassinato e eu também não tenho vergonha de falar. Não tenho medo de falar. É assassinato!” 

Damares completou: 

“Aborto não pode ser considerado como opção. Porque é violência contra o corpo da mulher. Se eu amo mulher, se eu luto pelas mulheres, como é que eu vou lutar pra liberar o aborto no Brasil? Se o aborto é violência contra a mulher? Contra o corpo da mulher?” 

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -