Abstenção chega a 20,3%, maior índice desde 2002

Português   English   Español
Abstenção chega a 20,3%, maior índice desde 2002
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O volume total de abstenções é apenas menor que o número de votos obtidos por Bolsonaro (49,1 milhões) e por Haddad (30,9 milhões).

Um em cada cinco brasileiros preferiu não ir votar no pleito deste domingo.

De acordo com dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), 29.719.056 pessoas não compareceram às seções eleitorais – uma taxa de 20,32%.

Esse é o maior índice desde 2002 (segundo verificado quando 99,42% dos votos estavam apurados).

O Mato Grosso foi o estado com maior proporção de eleitores que não compareceram para votar, 24,55% (ou 571.841 pessoas).

Roraima teve a menor taxa de abstenção: 13,86% (45.120 pessoas). Em termos absolutos, São Paulo teve o maior volume de eleitores que não compareceram à votação: 7.108.863 de pessoas.

 

Adaptado da fonte Exame
SIGA A RENOVA

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...