‘Abuso não se justifica, não se explica’, diz Damares

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

A questão do abuso sexual foi um dos principais temas de entrevista com a ministra Damares.

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, concedeu entrevista ao programa Impressões, da TV Brasil, que vai ao ar na próxima terça-feira, 6 de agosto.

Na conversa com a jornalista Roseann Kennedy, a ministra foi incisiva ao rejeitar qualquer tentativa de justificar uma violência sexual:

“Abuso não se justifica, não se explica, não se minimiza e não se relativiza. Abuso é abuso. E o abusador tem que ser contido, preso e punido.”

Damares também destacou os altos índices de abusos sexuais registrados na Ilha do Marajó, no Pará, e do programa de prevenção e combate a esse tipo de crime que começou a ser desenvolvido na região.

Outros temas abordados na entrevista foram o trabalho da Comissão da Anistia e a disputa pelo comando da Fundação Nacional do Índio (Funai).

Em dado momento a ministra conta, ainda, como é viver sempre escoltada e sem endereço fixo, e até brinca com o fato de estar solteira, informa o site Metrópoles.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.