Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Acordo comercial com Reino Unido é prioridade dos EUA

Reino Unido acelera acordo comercial pós-Brexit com EUA
COMPARTILHE

A partir de 1º de fevereiro, o Reino Unido terá liberdade para negociar tratados comerciais com outras nações. 

Mike Pompeo, chanceler dos Estados Unidos, afirmou, nesta quinta-feira (30), que o Reino Unido é o “primeiro da fila” para assinar um acordo comercial com o país.

A negociação comercial poderá ser concretizada depois da efetivação do “Brexit”, a saída do país da União Europeia (UE), marcada para ocorrer nesta sexta-feira (31).

Pompeo teve uma reunião na quinta com o primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, em Londres.

Em entrevista à rádio LBC, Pompeo explicou que a viagem é o “pontapé inicial” do diálogo para selar um acordo com o governo de Johnson:

“Vai ser complicado e haverá muitos aspectos polêmicos. As duas equipes de negociação vão querer preservar coisas para seus próprios países. É assim que as negociações.” 

O chanceler norte-americano acredita que os dois países serão capazes de superar os pontos difíceis no caminho:

“Vai custar um pouco, mas espero que no fim deste ano tenhamos feito progressos substanciais sobre um novo acordo e possamos começar a enfrentar os problemas mais difíceis.”

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE