- PUBLICIDADE -

Advocacia-Geral da União amplia força-tarefa contra corrupção

Advocacia-Geral da União amplia força-tarefa contra corrupção
- PUBLICIDADE -

A Advocacia-Geral da União (AGU) vai ampliar o Grupo Permanente de Atuação Proativa, equipe de combate à corrupção e recuperação de ativos.

A Procuradoria-Geral da União (PGU) e a Consultoria-Geral da União (CGU) vão divulgar, no prazo de 10 dias, um edital para seleção de até 60 Advogados da União para reforçar o elenco da AGU.

A ordem foi publicada em portaria publicada na última sexta-feira, dia 29 de março. Dessa forma, o grupo, que hoje é composto por 100 membros, poderá contar com até 160 advogados da União.

Vinculado ao Departamento de Patrimônio e Probidade da Procuradoria-Geral da União, órgão da AGU, o Grupo Permanente de Atuação Proativa propôs, somente em 2018, 4.345 ações e arrecadou R$ 461,91 milhões, informa o jornalista Fausto Macedo.

Advogados da União atuando na Consultoria-Geral da União, Consultorias Jurídicas junto aos Ministérios, na Assessoria Jurídica da Agência Brasileira de Inteligência e nas Consultorias Jurídicas dos estados, poderão participar da seleção.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -