PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Aécio venceu a eleição presidencial de 2014, diz Bolsonaro

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

“Eu tenho convicção de que realmente tem fraude”, diz o presidente brasileiro.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

O presidente Jair Bolsonaro voltou a destacar, nesta quinta-feira (17), que a urna eletrônica não é um dispositivo totalmente confiável.

Em sua tradicional live semanal, Bolsonaro defendeu a adoção do voto impresso auditável e voltou a criticar o presidente do TSE, o ministro Luís Roberto Barroso:

“Em caso contrário, teremos dúvidas nas eleições e podemos ter um problema seríssimo no Brasil. Pode um lado ou outro não aceitar, criando convulsão no Brasil. Ou a preocupação dele [Barroso] é outra: voltar aquele presidiário para comandar o Brasil?”

Bolsonaro disse ainda que tem provas de que Aécio Neves (PSDB) venceu, em 2014, a eleição contra Dilma Rousseff (PT):

“Eu mais do que desconfio, eu tenho convicção de que realmente tem fraude. As informações que tivemos aqui, talvez a gente venha a disponibilizar um dia, é que em 2014 o Aécio ganhou eleições e que em 2018 eu ganhei em 1º turno.”

Horas antes das declarações de Bolsonaro, em entrevista à emissora nacional, Barroso disse que nunca houve “fraude documentada” nas  urnas eletrônicas brasileiras.

Se o presidente da República ou qualquer pessoa tiver provas [sobre fraude] tem o dever cívico de entregá-la ao Tribunal e estou com as portas abertas. O resto é retórica política, são palavras que o vento leva”, disse Barroso, como noticiou a Renova.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.