Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

AGU rebate ataque ao governo em sentença de juiz trabalhista

AGU rebate ataque ao governo em sentença de juiz trabalhista
Imagem: Reprodução/SBT
COMPARTILHE

Mendonça disse que a “AGU representará perante o Conselho Nacional de Justiça” contra magistrado de São Paulo.

O juiz Jerônimo Azambuja Franco Neto, em uma sentença de processo trabalhista, classificou o momento atual no Brasil de “merdocracia neoliberal neofascista”.

“O ser humano Bolsonaro no cargo de Presidente da República é acusado de ‘incitação ao genocídio indígena’ no Tribunal Penal Internacional”, acrescentou o juiz.

Os ataques diretos ao governo Jair Bolsonaro foram proferidos pelo juiz substituto da 18ª Vara do Trabalho de São Paulo, do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região, ao condenar um restaurante a pagar indenização por danos morais.

André Mendonça, ministro-chefe da Advocacia-Geral da União (AGU), afirmou, neste domingo (19), que o “linguajar” utilizado na sentença é “característico de um militante partidário, não de um juiz – foge da técnica jurídica e claramente viola o Código de Ética da Magistratura”.

“A AGU representará perante o Conselho Nacional de Justiça”, acrescentou Mendonça em mensagem no Twitter.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE