Água potável de Quito é afetada por vazamento de diesel

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Um veículo derramou cerca de 38 mil litros de diesel perto da capital do Equador.

Aproximadamente 70% da água potável de Quito, capital do Equador, foram afetados, neste domingo (21), por um acidente com um caminhão-tanque.

O acidente provocou um vazamento de diesel em uma fonte natural, anunciaram autoridades da cidade, que possui mais de 2,2 milhões de habitantes,

O veículo derramou cerca de 38 mil litros de combustível.

O prefeito da capital equatoriana, Jorge Yunda, alertou que o “acidente na estrada Pifo-Papallacta” teria “comprometido” uma das nascentes que abastecem a cidade.

A diretora municipal de Meio Ambiente, Gabriela García, comentou:

“Conseguimos identificar que temos vestígios de combustível nos tanques de duas estações de tratamento de água: Paluguillo e Bellavista, uma das maiores da capital. Não é aconselhável beber água da torneira, tampouco fervê-la para o consumo de alimentos.”

Em nota, a Prefeitura de Quito esclareceu:

“A água que chega neste momento a Quito é de qualidade, não está contaminada, mas, como parte dos protocolos que são acionados nesses casos, o consumo direto do líquido deve ser evitado.”

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.