- PUBLICIDADE -

‘Ainda existem dúvidas sobre a cristofobia?’, indaga Damares

Damares diz que não pagará um centavo da anistia de Okamotto

“Que os cristãos do Chile sejam consolados e abraçados!”, disse a ministra.

- PUBLICIDADE -

A ministra da Mulher, Família e Direitos Humanos, Damares Alves, lamentou, nesta terça-feira (20), os ataques de extremistas contra igrejas católicas em Santiago, capital do Chile.

No último final de semana, duas igrejas foram incendiadas. As imagens das chamas destruindo os templos viralizaram e chocaram o mundo.

Em mensagem no Twitter, Damares fez duas indagações:

“Depois de ver templos cristãos queimados assim ainda  existem dúvidas sobre a cristofobia? Podem explicar o motivo de tanto ódio aos cristãos?”

A ministra acrescentou:

“Em uma das fotos que estou postando vejo uma mulher encapuzada comemorando a destruição de um templo. Não consigo entender mulheres odiando assim  o Cristo que seguimos se Ele veio a este planeta para  também resgatar a dignidade da mulher. Se tem uma religião que protege mulheres é o cristianismo.”

E completou:

“Ver mulheres ocidentais, que têm acesso à literatura,  internet, a informações odiar tanto os  cristãos percebemos que além de intolerância e ódio falta cultura a muitas delas, pois os registros histórico provam  que o cristianismo cuida e protege mulheres.”

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -