Português   English   Español

Alckmin e Haddad trocam farpas sobre o PCC

Twitter
WhatsApp
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

O candidato do PT ao Planalto, Fernando Haddad, fez campanha em Campinas, onde afirmou que o PCC é uma das marcas da administração do PSDB em São Paulo.

O poste de Lula defendeu a eleição de Luiz Marinho (PT) para o governo paulista sob o argumento de que, após 24 anos gerindo o estado, os tucanos não estão fazendo nada certo.

“Vocês conseguem falar uma marca do governo tucano nesses 24 anos?”, perguntou ele aos militantes diante da catedral metropolitana da cidade.

Depois de ouvir e repetir respostas como “pedágio” e “merenda”, Fernando Haddad acrescentou:

Vocês se esqueceram de outra coisa pelo qual eles se lembram no resto do Brasil. São três letrinhas: PCC.

O presidenciável Geraldo Alckmin (PSDB) foi ao Twitter rebater o discurso de Haddad:

Caro Fernando Haddad, não é o meu partido que é comandado de dentro de um presídio. Nem minha campanha foi lançada na porta de penitenciária.

O candidato tucano aproveitou para elogiar a própria gestão:

Em São Paulo, bandido pega cana dura. Nós construímos 99 novos presídios e reduzimos a criminalidade.

 

Adaptado da fonte O Antagonista

Twitter
WhatsApp
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Deixe seu comentário

Veja também...