- PUBLICIDADE -

Alcolumbre determinado a avançar CPMI das Fake News

Alcolumbre determinado a avançar CPMI das Fake News
Imagem: Marcos Oliveira/Agência Senado
- PUBLICIDADE -

Em meio às críticas de parlamentares e de internautas, a articulação da CPI das Fake News prossegue.

Aliados do presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP), garantem que ele está determinado a avançar a CPMI que vai investigar usuários brasileiros das redes sociais.

Eles dizem que o Senado contratou uma empresa de pesquisas e constatou que 82% dos supostos ataques enviados a senadores partem de robôs, informa o jornal Folha.

O foco da investigação, apostam esses aliados de Alcolumbre, será descobrir quem financia este suposto assédio coordenado a parlamentares.

Escolhido para presidir a CPMI, o deputado Alexandre Leite (PSDB-SP) quer se espelhar na lei de terrorismo para coibir ameaças na web.

A ideia é aproximar a pena de quem ameaça cometer um crime, hoje de seis meses a um ano, à de quem de fato o comete.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -