Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Alcolumbre promete combater ‘intolerância do mundo virtual’

Alcolumbre quer votar reforma da Previdência em 2º turno até dia 10
COMPARTILHE

Presidente do Senado diz segue tentando entender os “surtos de intolerância do mundo virtual”.

Davi Alcolumbre (DEM-AP), presidente do Senado Federal, alegou, nesta segunda-feira (17), estar sofrendo ataques virtuais após ter divulgado vídeo por nas redes sociais. 

De acordo com Alcolumbre, o vídeo “está sendo editado e espalhado pelas redes sociais, de forma criminosa, com mensagens machistas, homofóbicas e antissemitas”.

Em uma série de mensagens no Twitter, o senador rechaçou os ataques que vem sofrendo por causa do vídeo:

“Uma crescente onda de intolerância, preconceito e desrespeito toma conta das redes sociais. […] Todos os dias, em algum lugar, alguém é ofendido gratuita e injustificadamente nas redes sociais. Definitivamente, o mundo não precisa disso.”

Alcolumbre aproveitou para dizer que o Congresso Nacional buscará “caminhos para a criminalização de atos de ódio e intolerância”:

“O Congresso seguirá trabalhando em estudos rigorosos com dados e evidências para entender esses surtos de intolerância do mundo virtual, buscando sempre a defesa dos direitos humanos e a liberdade de expressão, mas também buscando caminhos para criminalização de atos de ódio e intolerância.”

O senador completou:

“A democracia é perfeita, porém quando um pequeno grupo, e digo pequeno diante da imensidão de cidadãos que não compactuam com essas atitudes, acredita mesmo poder, impunemente, atacar, ofender e ferir quem quer que seja, todos perdem.”

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários