Português   English   Español

Alvo de ação nos EUA, Eletrobras contrata advogados

elet

O novo acordo com o escritório de advocacia terá vigência de até 10 meses, e foi assinado em 20 de dezembro.

A empresa estatal Eletrobras assinou contrato de até R$ 42,8 milhões com o escritório norte-americano de direito Hogan Lovells, especializado em investigações corporativas, para concluir apurações já em curso sobre eventual prática de corrupção na companhia, segundo publicação no Diário Oficial da União desta sexta-feira (5).

Segundo extrato do documento, a nova contratação visa “resolução do caso perante as autoridades norte-americanas”, o que seria importante para reduzir riscos em momento em que o governo já anunciou planos de privatizar a empresa neste ano.

A elétrica brasileira, a exemplo da Petrobras, é alvo de uma ação coletiva nos Estados Unidos aberta por investidores que se sentiram prejudicados com as perdas da companhia em meio ao envolvimento em irregularidades.

Procurada, a Eletrobras disse que essas contratações somavam valores de R$ 340 milhões até novembro de 2017, sem contar o novo acordo publicado nesta sexta-feira. A empresa não fez comentários adicionais, afirmando que tem enviado comunicados ao mercado sobre os contratos com escritório nos EUA.

Com informações de: (1)

Deixe seu comentário

Veja também...