Português   English   Español

Ameaças contra Sergio Moro serão investigadas pela PF

O internauta que lançou ameaças contra o juiz federal Sergio Moro acreditando estar protegido pela anonimato da web pode se dar mal.

A Polícia Federal (PF) deve investigar a nova leva de mensagens prometendo “matar” o responsável pela Operação Lava Jato em Curitiba que surgiram após a interferência de Moro na tentativa petista de libertar Lula.

A investigação ocorrerá em um inquérito que já estava aberto para avaliar ameaças antigas. Grande parte das publicações ocorreram por meio de perfis fakes, ou seja, de pessoas que criam contas com nomes e imagens falsas.

Apesar de manter anônimas as informações de contato, a PF tem mecanismos para identificar a localização do internauta que mantém o perfil e máquina de onde partiram as mensagens. A empresa que gerencia a rede social também pode ser contatada para colaborar com as informações necessárias para a investigação.

Alguns dos tuítes que ameaçam Moro foram compartilhados pelo juiz Marcelo Bretas, que coordena os casos relacionados a Lava Jato no Rio.

‘O que dizer sobre essas mensagens abaixo? A Justiça Brasileira não pode ser usada como instrumento de disputas políticas’, escreveu Bretas.

Com informações do Correio Braziliense

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter