- PUBLICIDADE -

Análise de DNA sugere que ‘Monstro do Lago Ness’ pode ser uma enguia

Análise de DNA sugere que 'Monstro do Lago Ness' pode ser uma enguia
- PUBLICIDADE -

Pesquisador levanta a possibilidade de que hajam enguias gigantes no famoso lago escocês.

A história do “Monstro do Lago Ness” fascina a humanidade há cerca de 1.500 anos.

A lenda fala sobre uma criatura gigantesca que habita o Lago Ness, na Escócia, com um pescoço comprido, cabeça pequena e uma ou mais “corcovas” saindo da água.

Apesar da longevidade da lenda, nunca houve provas da existência de Nessie (como é apelidada a criatura), mesmo após expedições que varreram o fundo do lado com sonares e o cercaram com câmeras.

A equipe de Neil Gemmell, pesquisador da Universidade de Otago, coletou e analisou amostras da água do lago em busca de restos de DNA.

Nenhum de DNA de Plessiosauro (ou qualquer outro réptil), esturjões ou tubarões foi encontrado. No entanto, o que encontraram foi muito DNA de enguias, que são comuns no lago.

Segundo o site Olhar Digital, Gemmell declarou:

“A grande quantidade de material não nos permite descartar a possibilidade de que hajam enguias gigantes no Lago Ness. Portanto, não podemos descartar a possibilidade de que os que as pessoas vêem e acreditam ser o Monstro do Lago Ness seja uma enguia gigante.”

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -