- PUBLICIDADE -

Anonymous Brasil publica dados pessoais do Presidente da República

Anonymous Brasil vaza dados pessoais do Presidente da República

- PUBLICIDADE -

Dados pessoais do presidente Bolsonaro foram publicados por um perfil nomeado Anonymous Brasil.

O grupo cibernético Anonymous Brasil anunciou, nesta segunda-feira (1), que vazaria dados de grandes autoridades do Brasil.

Horas mais tarde, o grupo divulgou uma grande coletânea de informações do presidente da República, Jair Bolsonaro, da sua família, do empresário Luciano Hang, do ministro Abraham Weintraub, da ministra Damares Alves e do deputado Douglas Garcia.

Ao que tudo indica, os dados já estavam disponíveis previamente na internet, mas o perfil fez graves acusações contra o chefe do Executivo.

Na publicação, que optamos por não compartilhar, o perfil Anonymous Brasil acusa Bolsonaro de ser “envolvido com milicia, assassinato , propagação de Fake News em grande escala e acusado internacionalmente por tráfico de crianças”.

A organização, alinhada à extrema-esquerda, usou hashtags em homenagem aos “antifascistas” e ao movimento racial norte-americano Black Lives Matter.

Os documentos possuem supostos endereços, telefones e CPFs das autoridades mencionadas acima.

Em mensagem no Twitter, o deputado Garcia confirmou a autenticidade dos dados:

“Anonymous Brasil, de forma criminosa, acaba de divulgar todos os meus dados nas redes sociais. Para que colocar os meus familiares em risco? Para que divulgar o endereço de minha casa? Os lugares em que trabalhei? Estou indo agora mesmo na delegacia fazer um boletim de ocorrência.”

E acrescentou:

“Se algo acontecer comigo ou com meus familiares nos próximos dias a responsabilidade é diretamente dos fascistas que se autodenominam ‘antifas’.”

O perfil foi posteriormente suspenso pela rede social Twitter. O Palácio do Planalto ainda não se pronunciou sobre o vazamento.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -