Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Antiga cidade do império Khmer encontrada na selva do Camboja

Antiga cidade do império Khmer encontrada na selva do Camboja

“O antigo império Khmer modificou a paisagem, moldando características em uma escala muito grande”, disse o arqueólogo que lidera o estudo.

Pesquisadores descobriram uma antiga cidade do Império Khmer escondida durante séculos pela exuberante topografia da selva do Camboja.

Mahendraparvata, às vezes apelidada de “cidade perdida do Camboja”, foi uma das primeiras capitais império hindu-budista do sudeste da Ásia que existiu entre os séculos 9 e 15 da era atual.

Historiadores sabiam da existência de Mahendraparvata há décadas, mas as evidências arqueológicas remanescentes desta cidade se mostraram escassas, até agora.

Em um novo estudo, uma equipe internacional publicou o que eles dizem ser a identificação mais definitiva da cidade perdida graças ao escaneamento a laser aéreo (Lidar).

Em conjunto com uma pesquisa por terra, a equipe mapeou uma rede urbana extensa que, segundo eles, data do século IX.

Os eixos em forma de grade da rede urbana da cidade de Mahendraparvata

“O antigo império Khmer modificou a paisagem, moldando características em uma escala muito grande — lagoas, reservatórios, canais, estradas, templos, campos de arroz, etc”, disse o arqueólogo Jean-Baptiste Chevance à revista Newsweek.

“No entanto, a floresta densa geralmente cobrindo as áreas de interesse é uma das principais restrições para investigá-las”, acrescentou.

Vista aérea da região de Mahendraparvata, no Camboja

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias