Apoio popular ao bloco de Angela Merkel atinge mínima histórica

O apoio popular ao bloco da chanceler alemã, Angela Merkel, caiu para uma mínima recorde.

A queda aconteceu depois de uma prejudicial contenda interna sobre a política migratória.

Para complicar ainda mais a situação da chanceler, o apoio ao partido direitista Alternativa para Alemanha (AfD) alcançou uma máxima recorde.

As informações foram divulgadas por uma  pesquisa do instituto ARD DeutschlandTrend nesta quinta-feira (2).

O levantamento colocou o apoio à aliança de Angela Merkel –a sua União Democrata Cristã (CDU) e seus aliados bávaros, a União Social Cristã (CSU)– em 29 por cento, um ponto percentual abaixo do nível do início de julho.

Merkel, que lidera a Alemanha desde 2005, evitou por pouco o colapso de seu governo de coalizão no mês passado, depois de uma disputa entre a CDU e a CSU sobre política de imigração.

 

Adaptado da fonte Reuters
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia