Após atrito com Maia, Bolsonaro defende Vitor Hugo

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Bolsonaro afirmou que memes não devem ser levados tão a sério e defendeu o trabalho de Vitor Hugo.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, se posicionou após a discussão ocorrida entre o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e o líder do governo na Casa, Major Vitor Hugo (PSL-GO).

O chefe do Executivo garantiu que vai manter o parlamentar como seu representante entre os deputados.

Bolsonaro acredita que houve um certo exagero na interpretação do grupo de Maia de charge compartilhada pelo major em suas redes sociais. A sátira tecia críticas ao comportamento do Congresso.

Rodrigo Maia rompeu relações com Vitor Hugo após o compartilhamento desta charge em grupo no WhatsApp.

Na última terça-feira (21), como noticiou a RENOVA, Maia rompeu com Vitor Hugo após o goiano postar, nas suas redes sociais, uma charge que mostra um deputado carregando um saco de dinheiro na cabeça.

“Esse tipo de manifestação é brincadeira, não tem que ser levado tão a sério”, contemporizou Bolsonaro, durante café da manhã com jornalistas nesta quinta-feira (23).

Segundo o Metrópoles, Bolsonaro destacou ainda que confia no trabalho que vem sendo desenvolvido por Vitor Hugo entre os congressistas:

“É um garoto bom, experiente, preparado. Não é à toa que eu chamo ele de cabeção. Assim como nós, ele está buscando o que é melhor para todos. O que aconteceu com Rodrigo Maia, isso depois se resolve.”

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.