Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Arábia Saudita convidou Brasil para se juntar à Opep, diz Bolsonaro

Arábia Saudita convidou Brasil para se juntar à Opep, diz Bolsonaro
COMPARTILHE

Se ingressar, o Brasil poderá se tornar o terceiro maior produtor da Opep, depois da Arábia Saudita e do Iraque. 

O presidente da República, Jair Bolsonaro, disse, nesta quarta-feira (30), que a Arábia Saudita convidou informalmente o Brasil para se juntar à Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep).

A medida é um sinal da crescente importância da nação da América Latina como produtor e do desafio que se impõe à influência do cartel nos mercados de petróleo.

Bolsonaro recebeu o convite após realizar reuniões esta semana com autoridades sauditas, incluindo o príncipe herdeiro Mohammed Bin Salman, à margem da conferência Future Investment Initiative, em Riade.

“É o primeiro passo para talvez implementar essa política no Brasil”, disse Bolsonaro, segundo o jornal Valor Econômico.

O chefe do Executivo acrescentou que precisaria consultar a equipe econômica e o Ministério de Minas e Energia antes de concordar em participar do cartel, mas se mostrou ansioso para o país aceitar o convite.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE