Português   English   Español
Português   English   Español

Arábia Saudita rejeita decisão dos EUA sobre as Colinas de Golã

Arábia Saudita rejeita decisão dos EUA sobre as Colinas de Golã
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Arábia Saudita rejeitou a decisão dos Estados Unidos de reconhecer a anexação israelense das Colinas de Golã.

Um comunicado foi publicado nesta terça-feira (26) pela agência de notícias oficial da Arábia Saudita.

O regime saudita expressou sua “firme rejeição e condenação à declaração da administração americana que reconhece a soberania de Israel sobre as Colinas de Golã sírias ocupadas”.

“Golã continua sendo uma terra árabe síria ocupada e reconhecê-la como israelense é uma violação da Carta das Nações Unidas”, acrescentou o texto.

A decisão “terá efeitos negativos no processo de paz no Oriente Médio, assim como na segurança e estabilidade da região”, destaca ainda a nota oficial, segundo a VEJA.

Israel conquistou grande parte das Colinas de Golã — 1.200 quilômetros quadrados — durante a Guerra dos Seis Dias, em 1967, e anexou a área em 1981. A anexação nunca foi reconhecida pela ONU.

Nesta segunda-feira (25), ao lado do premiê israelense Benjamin Netanyahu, em Washington, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, assinou uma ordem executiva reconhecendo a soberania de Israel nas Colinas de Golã, registrou a RENOVA.

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Share on reddit
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...

Curta a RENOVA!