- PUBLICIDADE -

Armazém no centro de Paris é confiscado para guardar caixões

Armazem no centro de Paris e confiscado para guardar caixoes
Imagem: Reprodução/AFP

- PUBLICIDADE -

Polícia francesa requisita armazém de mercado central de Paris para guardar caixões.

O departamento da polícia de Paris informou, nesta quinta-feira (2), que confiscou um armazém do mercado central para depositar um número crescente de caixões de vítimas do coronavírus.

A medida foi tomada devido à falta de espaço nas casas funerárias em meio à pandemia da Covid-19, que já deixou mais de 59 mil infectados no país, além de 5,3 mil mortes.

O chefe da polícia, Didier Lallement, explicou que as autoridades precisavam de um local grande o suficiente para atender às “necessidades atuais e futuras”.

De acordo com Lallement, segundo a agência France-Presse, a pressão em cima das casas funerárias “provavelmente persistirá por várias semanas”. 

Duas salas de visitas serão montadas no armazém para que as famílias se reúnam com seus entes queridos antes que os caixões sejam levados aos cemitérios ou crematórios.

Os primeiros caixões começarão a chegar amanhã, na sexta-feira (3), ao mercado localizado ao sul da capital. Já as famílias poderão visitar o local a partir de segunda-feira (6).

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -