Arqueólogos celebram descoberta da cidade de Aten

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

"Muitas missões estrangeiras procuraram por esta cidade e nunca a encontraram”, diz arqueólogo.

O governo do Egito anunciou, nesta quinta-feira (8), a descoberta da cidade de Aten, que ficou perdida por mais de 3,4 mil anos de idade.

Aten teve seu auge durante o reinado de Amenhotep III, e também durante a regência em que compartilhou o poder com seu filho, Amenhotep IV, o pai de Tutankhamon

Em um comunicado, a professora de egiptologia, Betsy Bryan, da Universidade Johns Hopkins, celebrou a descoberta:

“A descoberta desta cidade perdida é a segunda mais importante da arqueologia desde a tumba de Tutankhamon.”

Bryan acrescentou:

“[As ruínas] vão nos proporcionar um raro retrato da vida dos antigos egípcios, em um momento que pode ser considerado o auge do império.”

Foto: Reprodução/Twitter

Zahi Hawass, arqueólogo egípcio e antigo ministro de assuntos da antiguidade, que liderou a missão, afirmou:

“Muitas missões estrangeiras procuraram por esta cidade e nunca a encontraram.”

E completou:

“Em poucas semanas, para a surpresa de todos, contornos de paredes com tijolos de barro começaram a aparecer, por todos os lados. O que os cientistas descobriram foi o local de uma grande cidade em bom estado de preservação, com paredes quase completas e cômodos cheios de objetos de uso cotidiano, preservados por milhares de anos.”

Aten é mais uma de uma série de descobertas recentes feitas em várias partes do Egito.

O governo espera que as novidades ajudem a reviver a indústria do turismo, a principal fonte de renda do país, que foi duramente prejudicada pela instabilidade política e pela pandemia do coronavírus.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.