As mulheres estão no centro do plano jihadista para lançar a próxima encarnação do Estado Islâmico

Português   English   Español
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Um número perturbador de mulheres parece ter abraçado a ideologia do grupo terrorista e permanecem comprometidas com os objetivos do ISIS.

Nos últimos meses, milhares de mulheres que imigraram para território do Estado islâmico estão fugindo do califado, estão eventualmente retornando aos seus países nativos ou aprisionadas em centros de detenção ao longo do caminho.

As mulheres voltando para Europa após uma temporada no Estado Islâmico apresentam um desafio inesperado para as autoridades, que se preparavam para um afluxo de jihadistas masculinos, mas, em vez disso, são obrigados a decidir o que fazer com centenas de mulheres e crianças.

Os líderes do Estado islâmico nas últimas semanas emitiram instruções explícitas para as mulheres retornando aos seus países: preparem-se para novas missões, incluindo a realização de ataques suicidas e a formação de descendentes para se tornar futuros terroristas.

Esta possibilidade tem assustado as autoridades policiais mundo afora, pois existe uma grande possibilidade de que parte das mulheres repatriadas continuem a ter mentalidades radicais e procurem doutrinar os membros da família com ideologias jihadistas.

Com informações de: (1)
SIGA A RENOVA

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...