Português   English   Español
Português   English   Español

Astrofísicos do Brasil registram nascimento de duas estrelas

Astrofísicos do Brasil registram nascimento de duas estrelas

A fotografia mostra as ‘estrelas bebês’ dentro de um ‘pretzel’ de gás e poeira, localizadas há 600 anos-luz da Terra.

Liderado por Felipe Alves, um grupo de astrofísicos do Brasil registrou recentemente o nascimento de duas estrelas. 

A imagem inédita foi realizada no rádio-observatório Atacama Large Millimeter Array (ALMA), localizado no Deserto do Atacama, no Chile.

Na foto, os dois pequenos globos centrais foram identificados pelos cientistas como estrelas em desenvolvimento, cercadas por anéis de poeira e gás que servem de alimento nesta fase de formação e crescimento.

O tamanho de cada disco de poeira é descrito pelos pesquisadores como semelhante ao do cinturão de asteroides do nosso sistema solar.

Em alta resolução, a fotografia mostra as “estrelas bebês” dentro de um “pretzel” de gás e poeira, localizadas há 600 anos-luz do planeta Terra, na Nebulosa do Cachimbo, próximo ao centro da Via Láctea, na constelação Ophiuchus.

Esta imagem mostra Barnard 59, parte de uma enorme nuvem escura de poeira interestelar chamada Nebulosa do Cachimbo.

Os resultados da pesquisa de Felipe Alves foram publicados na edição de outubro da revista Science e ajudam a compreender como sistemas planetários são formados.

“Precisaremos estudar mais sistemas binários jovens em detalhes para entender melhor como se formam várias estrelas”, comentou Alves, segundo o site TecMundo.

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on pinterest
Share on telegram
Share on reddit
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...

Curta a RENOVA!