Austrália vai exportar maconha medicinal

O país vai exportar cannabis medicinal para aumentar as oportunidades de negócios dos produtores nacionais e tornar o país num líder mundial da produção da planta.

Em março de 2017, a Austrália deu autorização para a primeira exploração agrária começar a produzir cannabis medicinal. Entretanto, outras conseguiram licenças e o governo já compreende que a atividade tem fortes possibilidades de crescimento no futuro.

Ministro da Saúde australiano, Greg Hunt, declarou:
É uma etapa muito importante para os nossos doentes e para a produção nacional. A existência de um mercado australiano e de um mercado internacional vai melhorar a longevidade desta atividade na Austrália.

O ministro quer que a Austrália se torne “o primeiro produtor de cannabis para fins terapêuticos do mundo”, mesmo declarando que o abastecimento do mercado doméstico deve continuar sendo a principal prioridade do governo.

O uso para fins medicinais da maconha foi legalizado no país em 2016, mas o uso recreativo ainda é proibido.

Com informações de: (1)
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *