Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Áustria acusa Rússia de infiltrar espião no país por décadas

Áustria acusa Rússia de infiltrar espião no país por décadas
COMPARTILHE

O governo da Áustria informou nesta sexta-feira (9) que um coronel aposentado do exército local é suspeito de ter prestado serviços de espionagem para a Rússia entre 1990 e 2018.

O homem, que não foi identificado, tem 70 anos e é da cidade de Salsburgo. Ele teria fornecido informações a Moscou sobre as atividades do exército e a situação política do país por quase trinta anos.

“Isso significa que há um caso de espionagem aqui”, disse o chanceler austríaco, Sebastian Kurz, que afirmou que vai convocar embaixador russo em Viena para dar explicações.

Na Rússia, o ministro das Relações Exteriores, Sergei Lavrov, acusou a Áustria de fazer “diplomacia de microfone”, fazendo “acusações públicas e cobrando explicações sobre assuntos que não temos [o governo russo] conhecimento”.

Lavrov acionou o embaixador russo na Áustria para dizer a Kurz que “as medidas de Viena, baseadas em suspeitas que não são baseadas por provas, já exacerbaram nossos laços que eram positivos”.

O ministro da Defesa austríaco, Mario Junasek, disse que foi advertido sobre o caso “há algumas semanas” por agências de inteligência europeias.

O espião seria um homem que se aposentou há cinco anos e teria fornecido informações sobre sistemas de defesa, movimentos migratórios para o país europeu e personalidades austríacas. Ele teve seus equipamentos eletrônicos, como laptop e celular vasculhados, mas as autoridades não informaram se ele está preso.

 

Adaptado da fonte ISTOÉ

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE