- PUBLICIDADE -

Áustria simula defesa contra invasão de migrantes

- PUBLICIDADE -

Centenas de policiais e soldados austríacos realizaram na manhã desta terça-feira (26) um exercício simulando a chegada de um grande grupo de refugiados na fronteira entre Áustria e Eslovênia.

O ministro do Interior austríaco, Herbert Kickl, afirmou que a operação deve transmitir uma “mensagem clara para o mundo”.

Kickl, que é membro do partido direitista Liberdade da Áustria (FPÖ), disse estar “firmemente determinado a impedir” a repetição de eventos como os ocorridos em 2015, no auge da crise de refugiados na Europa.

‘Um Estado que não protege eficazmente as suas fronteiras perde sua credibilidade’, acrescentou.

De acordo com informações da DW:

As manobras incluíram a simulação de situações de defesa contra um grande afluxo de migrantes. O exercício, segundo o ministro, visa contribuir para aumentar a confiança dos austríacos nas medidas de defesa fronteiriça.

O exercício, que envolveu 500 policiais e mais de 200 soldados, foi realizado em Spielfeld, um ponto da fronteira com a Eslovênia onde milhares de pessoas entraram na Áustria, durante o ápice da crise dos refugiados, no segundo semestre de 2015.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -