PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Auxílio Emergencial 2021: entenda a prorrogação

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Governo Bolsonaro ampliou o benefício por mais três meses.

PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

O governo Jair Bolsonaro prorrogou, nesta segunda-feira (5), o pagamento do Auxílio Emergencial.

O benefício adotado em meio à pandemia de coronavírus acabaria em julho e, com a prorrogação, também será pago em agosto, setembro e outubro.

A nova rodada do Auxílio Emergencial começou a ser paga em 6 de abril, como medida de resgate aos mais vulneráveis em momento de agravamento da pandemia.

De acordo com o Ministério da Cidadania, o calendário de pagamento das três parcelas extras será definido “nas próximas semanas“.

Para o público incluído no Bolsa Família, não muda nada. Os repasses continuarão sendo feitos de acordo com o calendário habitual do programa.

O governo também informou que não vai abrir inscrições para novos beneficiários.

Os valores seguirão os mesmos com a prorrogação. O valor médio é de R$ 250, mas pode variar de R$ 150 a R$ 375 a depender da composição de cada família.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.