Português   English   Español

Avião do pai de empresário denunciado com Lula explode

Um acidente aéreo na manhã desta segunda-feira (26) vitimou Adolfo Geo, fundador do grupo ARG, em Jequitaí, norte de Minas Gerais.

O Corpo de Bombeiros de Pirapora diz que o acidente ocorreu por volta das 7h, mas a corporação foi acionada pouco antes das 8h, segundo informações da Correio Braziliense.

A Polícia Militar informou que a aeronave foi parcialmente carbonizada. Bombeiros fizeram o rescaldo do fogo e o local foi isolado para a perícia. Um helicóptero de resgate chegou a ser acionado.

Juntamente com o empresário Adolfo Geo estava a mulher, Margarida Gianetti, o piloto Marco Aurélio e o co-piloto identificado como Oliver, e até agora não se sabe exatamente a causa do acidente.

Adolfo é pai de outro sócio da empresa, Rodolfo Geo, que foi denunciado pela Lava Jato, também nesta segunda, junto com Lula, segundo informações de O Antagonista.

A Lava Jato de São Paulo acusou Lula de receber R$ 1 milhão para intermediar negócios entre a ARG e a Guiné Equatorial.

Lula foi denunciado por lavagem de dinheiro. Rodolfo Geo, controlador da empreiteira foi denunciado por lavagem de dinheiro e tráfico de influência, conforme noticiou a Renova Mídia.

As duas versões que permeiam as redes sociais são de que, na primeira hipótese o pneu da aeronave teria furado no pouso, o que fez com que a asa da aeronave tombasse batendo no chão e causando a explosão.

Na segunda versão ocorreram problemas na aterrissagem, fazendo com que o avião acertasse o pivô no fim da pista e então explodisse.

Os corpos serão levados para o IML de Montes Claros para perícia.

Deixe seu comentário...

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter