Paquistão aceita moeda da China no comércio bilateral

Idiomas:

Português   English   Español
A U.S. $100 banknote is placed next to 100 yuan banknotes in this picture illustration taken in Beijing October 16, 2010. The United States fired the first shot in the currency war and the rest of the world must be on guard for its deliberate strategy to devalue the dollar, a Chinese economist said in an official newspaper on Thursday. REUTERS/Petar Kujundzic (CHINA - Tags: BUSINESS IMAGES OF THE DAY) - RTXTHH0
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

A decisão do banco central paquistanês representa mais um passo para a internacionalização da moeda chinesa, uma prioridade de Pequim, que pretende contrariar a hegemonia do dólar norte-americano.


 O Banco Central do Paquistão anunciou hoje que vai permitir o uso do yuan nas trocas comerciais e investimentos da China.

A China também quer negociar na sua moeda recursos, como petróleo e ferro, dos quais é o maior mercado mundial, e facilitar os investimentos internacionais chineses.

Com Angola, por exemplo, a China também tem um acordo monetário para aceitação das respectivas moedas em ambos os países, prescindindo do uso do dólar nas trocas comerciais.

Com informações de: (1)

Newsletter RENOVA

Receba gratuitamente as principais notícias do Brasil e do Mundo por email.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

Veja também...