- PUBLICIDADE -

Beatriz Kicis vai processar a revista Veja por distorcer declaração

- PUBLICIDADE -

Postulante ao cargo de deputada federal, a direitista gravou áudio de entrevista que concedeu à ‘Veja’ e apresentou como prova para abrir processo.

A procuradora do Distrito Federal (DF) aposentada, Beatriz Kicis, se tornou conhecida pela sua participação em vídeos ao lado de figuras como Olavo de Carvalho e pelo seu esforço constante por pautas como o voto impresso e o Escola Sem Partido.

Candidata à deputada federal no DF pelo partido de Jair Bolsonaro, o PSL, ela denunciou, na sexta-feira (17), uma distorção em suas palavras em entrevista para a Revista Veja.

Em matéria de capa da revista sobre o economista Paulo Guedes, apontado por Bolsonaro como seu Ministro da Fazenda, a candidata afirmou que Guedes definiu sua união com o militar como “um casamento entre a ordem e o progresso; a ordem representada por Bolsonaro e o progresso representado pelas pautas liberais”.

A Veja escreveu que Kicis teria dito que o progresso é “representado por ele mesmo”, Paulo Guedes.

A distorção, que ela demonstra exibindo o áudio da entrevista, deverá dar origem a um processo contra a revista.

Confira o vídeo:

A Veja MENTIU

A VEJA MENTIU. E EU GRAVEI.Agora é processo neles! E desafio você assistir e não se indignar com a manipulação da imprensa mentirosa Querem jogar Bolsonaro contra Paulo Guedes porque juntos eles são IMBATÍVEIS !

Posted by Bia Kicis on Friday, August 17, 2018

Adaptado da fonte Boletim da Liberdade
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -