Português   English   Español

Bebianno fala da futura relação entre PSL e PT no Congresso

Bebianno fala da futura relação entre PSL e PT no Congresso

Cotado para ser ministro da Justiça caso Bolsonaro seja eleito, Bebianno falou sobre como será a relação com o PT no Parlamento.

Em entrevista neste domingo (21), Gustavo Bebianno, presidente nacional do PSL, sinaliza como deverá ser a relação com as demais legendas na Câmara Federal, onde o partido se tornou a segundo maior força, com 52 deputados, atrás apenas do PT.

Questionado por jornalista do Estadão sobre “como será o PSL na Câmara?”, o presidente do PSL declarou:

Com petista não há papo, não há diálogo, porque petistas são o mal para o Brasil. Com eles, PSOL, PCdoB, com a extrema esquerda não haverá nenhum diálogo. Zero. O PDT do Ciro (Gomes) também acho difícil, talvez com um ou outro.

E acrescentou:

A gente pensa menos no partido e mais em pessoas. Partidos são feitos por pessoas que, muitas vezes, se perdem dentro de uma estrutura viciada. O Congresso precisa de oxigênio.

 

Adaptado da fonte Estadão

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Deixe seu comentário

Veja também...