- PUBLICIDADE -

Biden deixa claro que pode não aceitar reeleição de Trump

Biden deixa claro que pode não aceitar reeleição de Trump

Donald Trump não vai roubar esta eleição, disse o rival democrata.

- PUBLICIDADE -

O Partido Democrata aproveitou a pandemia de coronavírus para impulsionar a modalidade de voto por correspondência.

A justificativa oficial do partido para sair em defesa deste tipo de votação é ajudar na contenção do vírus, reduzindo aglomerações nos pontos de votação.

No entanto, a estratégia da esquerda norte-americana é clara: promover o caos após a provável reeleição do presidente Donald Trump, gerando um período de instabilidade no país, onde ninguém saberá ao certo o real vencedor da eleição.

Com mais de 100 milhões de votos por correspondência já depositados, o candidato democrata Joe Biden deixou claro, neste domingo (1º), que não deve aceitar uma declaração de vitória de Trump logo após a eleição.

“Minha resposta é que o presidente não vai roubar esta eleição”, disse Biden, durante um evento de campanha na Filadélfia.

Por outro lado, como noticiou a RenovaMídia, em comício na Geórgia, Trump foi enfático ao dizer que os resultados devem ser divulgados poucas horas após a eleição presidencial.

“É terrível que não possamos saber os resultados na noite da eleição. Assim que a eleição acabar, na mesma noite, vamos entrar com nossos advogados”, disse Trump.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -