- PUBLICIDADE -

Biden quer recolocar EUA na OMS; Adhanom celebra

Biden quer recolocar EUA na OMS; Adhanom celebra
- PUBLICIDADE -

“Parabéns ao presidente eleito Joe Biden”, diz líder da OMS.

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, parabenizou o democrata Joe Biden pela projeção de vitória nas eleições presidenciais dos Estados Unidos.  

Biden já prometeu que anulará a decisão do governo Trump de romper relações com a OMS, que foi acusada de estar muito alinhada à China

Em mensagem via Twitter, Tedros declarou: 

“Parabéns ao presidente eleito Joe Biden e à vice-presidente eleito Kamala Harris! Meus colegas na OMS e eu estamos ansiosos para trabalhar com vocês e suas equipes. Crises como a pandemia da #Covid19 mostram a importância da solidariedade global na proteção das vidas e dos meios de subsistência. Juntos!” 

No último mês de julho, Biden prometeu que os EUA mudariam sua posição sobre a OMS assim que ele assumisse como presidente: 

“Os americanos estão mais seguros quando os Estados Unidos estão empenhados em fortalecer a saúde global. No meu primeiro dia como presidente, vou me juntar à OMS e restaurar nossa liderança no cenário mundial.” 

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -