- PUBLICIDADE -

BNDES escolhe consórcio para avançar desestatização dos Correios

Análise da CGU aponta 'crescente degradação' dos Correios

A empresa estatal foi apontada na semana passada como prioridade do programa de privatização do governo.

- PUBLICIDADE -

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) informou, no último sábado (22), que escolheu o consórcio “Postar” para realização de estudos para desestatização do serviço postal.

O consórcio é formado por Accenture do Brasil e Machado, Meyer, Sendacz, Opice e Falcão Advogados

O serviço atualmente é prestado pela Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT).

Em nota à imprensa, o BNDES informou que homologou na quinta-feira o consórcio como vencedor do seu processo de seleção, que contou com outros oito participantes.

“O consórcio selecionado realizará os estudos que indicarão as alternativas de desestatização para o setor postal e embasarão a decisão do governo”, disse o BNDES.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -