Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Bolívia acusa Maduro de financiar desestabilização de países

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Bolívia acusa Maduro de financiar desestabilização de países
COMPARTILHE

“Há uma corrente de desestabilização a partir deste senhor Maduro”, disse o ministro boliviano.

Arturo Murillo, ministro de Governo da Bolívia, acusou, nesta segunda-feira (2), Nicolás Maduro, ditador da Venezuela, de financiar uma tentativa de desestabilizar o governo transitório boliviano, liderado pela presidente interina Jeanine Añez.

Murillo disse que Maduro busca “desestabilizar” países da América do Sul, entre eles Chile, Colômbia e Peru.

“Há uma corrente de desestabilização a partir deste senhor Maduro […] que está buscando desestabilizar países na América e isto é terrível”, disse o ministro a jornalistas.

O ministro avaliou que trata-se de “uma conspiração contra toda a América, e não apenas contra a Bolívia”. 

“Isto é contra parte da América Latina” pois Maduro, segundo Murillo, financia o “terror que estão vivendo colombianos, chilenos e peruanos”, informa a agência AFP.

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.