- PUBLICIDADE -

Bolívia critica declaração de deputado estadual do Rio

Bolívia critica declaração de deputado estadual do Rio

- PUBLICIDADE -

O presidente da Bolívia, Evo Morales, lamentou neste sábado (5) o “ressurgimento” da “supremacia racista”.

O líder esquerdista da Bolívia afirmou que contra a discriminação, os povos indígenas promovem o respeito.

A frase de Evo Morales foi uma resposta a declaração do deputado estadual do Rio de Janeiro, Rodrigo Amorim, que disse “que quem gosta de índio, que vá para a Bolívia”.

Em seu perfil oficial no Twitter, Morales aproveitou a declaração para atacar os Estados Unidos:

Lamentamos o ressurgimento de ideologia de supremacia racista, como réplica da xenofobia do Governo dos Estados Unidos. Contra a intolerância e discriminação, os povos indígenas promovem respeito e integração.

O presidente boliviano, de origem aimará, acrescentou que todos têm os mesmos direitos porque são “filhos da mesma Mãe Terra”.

As declarações de Amorim geraram reações do governo e da oposição boliviana, da mesma forma que do povo boliviano, que expressou sua rejeição as palavras do deputado através das redes sociais, informa a agência “EFE“.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -