Bolsonaro adia cirurgia para depois do Fórum Econômico Mundial em Davos

Português   English   Español
Bolsonaro adia cirurgia para depois do Fórum Econômico Mundial em Davos
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

O presidente eleito não quer ficar de fora da estreia internacional do novo governo brasileiro no Fórum Econômico de Davos, em janeiro de 2019.

Jair Bolsonaro decidiu adiar a cirurgia de retirada da bolsa de colostomia para depois da Fórum Econômico Mundial em Davos, na Suíça. As informações são do jornalista  Cláudio Dantas em “O Antagonista“.

O presidente eleito avaliou que a viagem será de extrema importância, pois significará a estreia internacional de seu governo.

Além do futuro chefe de Estado, o Fórum será a apresentação oficial do chanceler Ernesto Araújo, e dos ministros Paulo Guedes (Economia) e Sergio Moro (Justiça) para a comunidade internacional.

O renomado evento acontecerá de 22 a 25 de janeiro. A data da viagem coincidiria com o pós-operatório da eventual cirurgia de retirada da bolsa de colostomia que Bolsonaro usa desde que foi esfaqueado em Juiz de Fora, no dia 6 de setembro.

SIGA A RENOVA

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...

SIGA A RENOVA