Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Bolsonaro alerta TSE para não ‘começar a esticar a corda’

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Bolsonaro parabeniza PF por operação contra governo Witzel
Imagem: Pedro Ladeira/Folhapress

“Me julgar por uma página que ficou fora do ar por menos de 24 horas para cassar a chapa?”, questionou Bolsonaro.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, alertou, nesta segunda-feira (15), sobre a análise pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de um processo que pode levar à cassação da chapa presidencial.

Em entrevista¹ à emissora BandNews, Bolsonaro alertou para o Tribunal não “começar a esticar a corda”:

“Me julgar por uma página que ficou fora do ar por menos de 24 horas para cassar a chapa Bolsonaro-Mourão? É inadmissível isso aí.” 

O chefe do Executivo acrescentou:

“Isso, no meu entender, é começar a esticar a corda. É começar a alimentar uma crise que não existe da nossa parte. Como vou dar golpe se já sou presidente da República?”

A expressão “esticar a corda” foi utilizada semanas atrás pelo ministro-chefe da Secretaria de Governo, general Eduardo Ramos, ao comentar sobre a possibilidade de uma quebra do “regime democrático” no Brasil.

Durante entrevista² à revista, Ramos declarou:

“É ultrajante e ofensivo dizer que as Forças Armadas, em particular o Exército, vão dar golpe, que as Forças Armadas vão quebrar o regime democrático. O próprio presidente nunca pregou o golpe. Agora o outro lado tem de entender também o seguinte: não estica a corda.”

Referências: [1][2]

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email