Português   English   Español

Bolsonaro celebra 1,4 milhão no Twitter, Marina segue líder

A importância das redes sociais para o processo eleitoral não pode ser menosprezada. Trump é o maior exemplo disso.

Internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Israelita Alberto Einstein, o candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro, tem nas redes sociais o único canal de comunicação com seu público.

Na noite desta quinta-feira (13), através do seu perfil oficial no Twitter, Bolsonaro divulgou uma imagem celebrando os 1,4 milhão de seguidores na rede social.

O candidato do PSL tem realmente motivos para comemorar. Apesar de não ser o presidenciável com o maior número de seguidores, o engajamento do público com suas publicações no Twitter está em um patamar superior aos demais.

A candidata da Rede ao Planalto, Marina Silva, segue na liderança quando o assunto é a rede social de Jack Doersey.

  1. Marina Silva (Rede) | 1,8 milhão
  2. Jair Bolsonaro (PSL) | 1,4 milhão
  3. Geraldo Alckmin (PSDB) | 982 mil
  4. Fernando Haddad (PT) | 657 mil
  5. Alvaro Dias (Pode) | 348 mil
  6. Ciro Gomes (PDT) | 278 mil
  7. João Amoêdo (Novo) | 175 mil
  8. Guilherme Boulos (PSOL) | 120 mil
  9. Henrique Meirelles (MDB) | 60,3 mil
  10. José Maria Eymael (DC) | 22,9 mil
  11. Cabo Daciolo (Patriota) | 8,9 mil

Ainda utilizando a primeira colada da lista acima como exemplo. Vamos observar o engajamento com o tuíte fixado pelo perfil oficial de Marina Silva no Twitter.

Foto: Reprodução / Twitter

Apesar dos quase 500 mil seguidores a mais que Bolsonaro, o engajamento do seu público com o conteúdo propagado não se compara com o do capitão reformado no Twitter.

Vamos utilizar o tuíte do início desta matéria como comparação. A foto foi publicada por Bolsonaro 5 horas depois do vídeo da campanha de Marina. Mesmo assim, o engajamento foi extremamente superior. Confira abaixo.

Deixe seu comentário

Veja também...

Newsletter Renova!

Preencha o formulário para assinar nossa newsletter.

Nome Email
newsletter