- PUBLICIDADE -

Bolsonaro quer ‘combater o marxismo’ com ensino a distância

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
- PUBLICIDADE -

O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, propôs nesta terça-feira (7) a implementação do ensino a distância como solução para acabar com o marxismo e reduzir custos no setor de educação.

Ao ser questionado sobre suas propostas para a educação, Jair Bolsonaro afirmou:

Com o ensino a distância você ajuda a combater o marxismo. E você pode começar a fazer o ensino a distância uma vez por semana. Você ajuda a baratear o ensino no Brasil.

Ressaltando que alguns pais já são adeptos do ensino a distância, o deputado acrescentou:

Pode ser para o ensino fundamental e médio, até universitário. Todos a distância… Pode ser, depende da disciplina. [Ensino] fisicamente é em época de prova ou então em aulas práticas.

 

Adaptado da fonte Folha
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -